spacerr spacer gfdh  
noticia26
protuto1notícias
Ocorrência de COVID-19 em trabalhadores de matadouros

Nota de esclarecimento – Fonte DGAV

Devido ao aparecimento de alguns casos com COVID-19 em trabalhadores de matadouros de aves, têm surgido dúvidas quanto à segurança sanitária dos produtos frescos, que são obtidos nesses estabelecimentos.
A Comissão Europeia emitiu um comunicado, no qual esclarece todas as dúvidas. O documento pode ser consultado no seguinte link: https://ec.europa.eu/food/sites/food/files/safety/docs/biosafety_crisis_covid19_qandas_en.pdf
No portal da DGAV existe uma versão em português desse documento: http://srvbamid.dgv.min-agricultura.pt/xeov21/attachfileu.jsp?look_parentBoui=38678107&att_display=n&att_download=y
O documento da Comissão Europeia adianta que não existe, até à data, qualquer registo de transmissão da COVID-19 através do consumo de alimentos, apesar da grande escala da pandemia.
Por conseguinte, tal como referido pela Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA), não existem provas de que os alimentos constituam um risco para a saúde pública no que se refere à COVID-19. Considera-se que a transmissão desta doença ocorre sobretudo de pessoa para pessoa, principalmente através de gotículas respiratórias (espirros, tosse ou exalação).
A produção de alimentos na União Europeia segue regras rigorosas de higiene, cuja implementação está sujeita a controlos oficiais.
No caso dos matadouros e nas indústrias agro-alimentares são dotadas, desde sempre, medidas de higiene rigorosas para evitar que os alimentos produzidos e distribuídos, possam estar contaminados com qualquer microrganismo perigoso.


Questões Frequentes
Qual é o risco de contrair a COVID-19 a partir dos produtos alimentares?
Apesar da grande escala da pandemia, não houve até à data nenhum registo de transmissão da COVID-19 através do consumo de alimentos. Por conseguinte, tal como referido pela Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos1, não existem provas de que os alimentos constituam um risco para a saúde pública no que se refere à COVID-19. Considera-se que a transmissão da COVID-19 ocorre sobretudo de pessoa para pessoa, principalmente através de gotículas respiratórias que as pessoas infetadas libertam através de espirros, da tosse ou da exalação.

Qual é o risco de contrair a COVID-19 a partir das embalagens dos alimentos?
Embora, de acordo com um estudo recente2, o agente causal da COVID-19 (SARS-CoV-2) possa persistir até 24 horas em cartão e até vários dias em superfícies duras como o aço e os plásticos em ambientes experimentais (por exemplo, com humidade relativa e temperatura controladas), não há provas de que as embalagens contaminadas, que tenham sido expostas a diferentes condições ambientais e temperaturas, transmitam a infeção. No entanto, para responder às preocupações de que o vírus presente na pele possa ser transferido para o sistema respiratório (por exemplo, através do contacto com o rosto), as pessoas que manipulam embalagens, incluindo os consumidores, devem cumprir as orientações das autoridades de saúde pública relativas às boas práticas de higiene, incluindo a lavagem regular e eficiente das mãos.
Fonte: COMISSÃO EUROPEIA DIREÇÃO-GERAL DA SAÚDE E DA SEGURANÇA DOS ALIMENTOS
Gestão de crises em matéria de alimentos, animais e plantas Higiene alimentar

16-05-2020

banner final

logo
  spchomemail
 
 
im
noticia27Escolher uma mascara cirurgica ou um respiradorEm meio hospitalar, as máscaras são utilizadas quer por profissionais de saúde quer por pacientes com doenças...
ler mais >>
noticia26Ocorrência de COVID-19 em trabalhadores de matadourosNota de esclarecimento – Fonte DGAV Devido ao aparecimento de alguns casos com COVID-19 em trabalhadores de matadouros de aves, têm...
ler mais >>
noticia25Recomendacao 1/2018/PSARecomendação 1/2018/PSA Aumento do nível de alerta preventivo da Peste Suína Africana (PSA) A ocorrência de quatro casos de Peste Suína...
ler mais >>
noticia24Governo vai apoiar o setor da suiniculturaO Ministério da Agricultura vai apoiar o sector da suinicultura com 5 milhões de euros, através do Programa de Desenvolvimento Rural – PDR 2020....
ler mais >>
noticia9Conheca as Nossas InstalacoesAs nossas instalações permitem-nos garantir a qualidade que os nossos clientes exigem, quer em termos de organização, quer na prestação de...
ler mais >>
DINAZOO Lda. Todos os direitos reservados
TSU Design